09 novembro 2011

O amor do jeito que ele é.



Sabe quem você ama?
Ama aquele que diz que vai ligar e não liga. Aquele que veste aquelas roupas amassadas que você detesta. Aquele que não tem vocação para príncipe encantado. Mas quem liga pra príncipe encantado se o amor mais verdadeiro e puro foi sentido por dois ogros. Ama aquele que quando toca sua nunca, você se derrete feito manteiga. Ele toca sax, gosta do seu cachorro, mas não escreve poemas. Tem um jeito diferente de lhe dar com você. Aquele que diferente de todo mundo não mima você... Ah.. vai saber o porque... e vai entender você também que ama esse cara...

E você aí?
Ama aquela garota chata por quê? Ela mal sorri. Você gosta de blues e ela de rock. Você gosta de praia, e ela tem alergia a sol. Você gosta de coisas claras, e ela... Meu irmão essa garota já foi apresentada a outras cores? Sabe que existe branco? Rosa? Sei lá, qualquer cor que qualquer outra garota normal gostaria...  Então? Então que quando ela sorri pra você, (só pra você), você tem consciência e sabe do que a faz sorrir, até porque, é o que você mais gosta dela. O sorriso dela pra você.

"Na realidade, você não ama uma pessoa porque ela é educada, ou porque ela gosta de Caetano, ou porque se veste bem. Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera. Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível. Honestos existem aos milhares, generosos tem às pencas, bons motoristas e bons pais de família, está assim, ó. Mas só o seu amor consegue ser do jeito que ele é."
Nada disso impede de vocês se beijarem, de vocês se amarem, de vocês se desejarem. Até porque "a sua boca sorri, chama, beija, geme, pede, implora. Quer a dele antes, depois, desde sempre, agora" , nada impede de vocês dançarem na varanda sem música, nada de impede de vocês terem os segredos de vocês, nada de impede... vocês. Nem mesmo todas as probabilidades de vocês não darem certo. Vocês querem que deem certo. E isso que vale.
Reações:

14 comentários:

  1. pude sentir o amor daqui, só em te ler!
    adorei, texto lindo! :)

    ResponderExcluir
  2. Obs: esse texto contém fragmentos do texto de Luna Sanchez e Martha Medeiros

    ResponderExcluir
  3. Que honra eu aqui, no teu blog e em companhia da Martha. Adorei!

    :a

    Eu amo pessoas improváveis e sou feliz assim.

    Beijos, florzinha.

    Obrigada, viu?

    ResponderExcluir
  4. :a oi adorei seu blog
    já to seguindo
    se curtir segue la tbm
    http://enredodeideias.blogspot.com/
    beeeijo

    ResponderExcluir
  5. o amor é mesmo tudo isso, é a possibilidade de algo que sempre achamos impossível, é quando o improvável acontece

    ResponderExcluir
  6. "Nada disso impede de vocês se beijarem, de vocês se amarem, de vocês se desejarem!"

    O amor tem que ser assim, livre. Adorei o trecho que copiei à cima.
    :)

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Estava com saudades!
    é, ele toca bateria (rsrs
    lindo ♥

    ResponderExcluir
  8. Oiii Pin Up!!!

    Que bonitooooo. Amei esse texto...sim..reconheci Luna e Martinha nele tbm rsrsrs...mas vc o escreveu muuuuito bem sei que usou bem suas palavras, Hj to de coração de manteiga e me emocionei.

    Vou fazer uma pequena viagem, contei la no blog, se der passa lá...beijosss

    ResponderExcluir
  9. já sentir isso na pele
    queria tanto que desse certo
    por que eu tinha certeza
    que o amava,
    aff rs
    amar é bom demais
    mais as vezes nos iludimos
    beijokas

    ResponderExcluir
  10. Me ouso a acrescentar, que se ma pelo cheiro! No meu caso é assim, o cheirooo! Ai, ai.. O amor..

    Amei o texto, me fez lembrar muito o Zé, somos totalmente diferentes! =**

    ResponderExcluir
  11. Que texto... inebriante!
    Dificil definir o amor e v fez com delicadeza e só falou a verdade!
    Lindo parabens!

    ResponderExcluir