06 agosto 2011

O Destino. #parte 2



Depois de alguns anos separados pelo destino, cada um começou a viver a sua vida, mas no fundo cada um sabia a falta que o outro fazia. Lembranças vez em quando vinham a mente, mas eles estavam longe, não no coração. Ele teve que viajar, por conta de uma doença que sua mãe teve e como ela morava no Sul, ele teve que mudar-se pra lá.
E assim os anos foram passando, passando... E eles acabaram se perdendo ...
Mas o destino não queria isso, não, não queria, no fundo ele torcia pra dar certo. Ele queria, independente da vontade deles agora.
Com a morte de sua mãe por causa do câncer,ele voltou a sua cidade natal, voltou a morar com seu pai, reencontrou alguns amigos de infância. E num desses reencontros movido pela curiosidade, perguntou como ela estava.
- Poxa cara, nunca mais ouvi falar dela, ela sumiu, a única coisa que eu sei, é que ela terminou um noivado aí, e tá trabalhando na empresa do pai dela.
- Onde fica essa empresa?
- Cara é na Avenida da Universidade, perto do shopping se liga?

No outro dia, antes de atravessar a rua para chegar no escritório, escutou alguém chamar seu nome  de forma diferente, de uma forma que ninguém chamava a anos... de uma forma que ele chamava ...

Reações:

20 comentários:

  1. Nossa, pelo visto ele não falou pra ela que ia embora...
    HOMENS.

    ResponderExcluir
  2. Te acalma.
    isso eu vou contar amanhã, na ultima parte do texto.
    shaushausasas

    ResponderExcluir
  3. Amiigggaaa! Já estou nervosa, conta, conta!!
    Já sei que não é você :(

    ResponderExcluir
  4. Ouu que lindo!
    Acompanhando e ansiosa para ver até o final!
    Belas palavras, parabéns!
    Deus abençoe, ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  5. Muito, muito bom!
    Se continua por esse caminho, quero um destino igual pra mim!
    bjos

    ResponderExcluir
  6. Oi querida amiga. Parabéns por este teu maravilhoso trabalho. Fantástico. Já estou te seguindo com muito carinho. Um ótimo domingo. Voltarei outras vezes. Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Estou com o coração apertado para ver a continuação dessa história, pois é tão parecida com a minha que chega até a dar uma saudade amor ainda do menino que tá longe. Quando li esse final me encheu os olhos, pois me senti como o personagem, reencontrando o tal amor que se distanciou... Teu blog é ótimo menina, parabéns mesmo!

    ResponderExcluir
  8. [insira aqui um suspiro de curiosidade]

    :a

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  9. Oi,Andressa!Pois é o destino tem seus caminhs e descaminhos e as coisas quando são pra ser elas acontecem, passe o tempo que passar.
    Já to aqui na torcida por esse romance.
    Beijossss

    ResponderExcluir
  10. Gostando demais! esperando por amanhã...

    ResponderExcluir
  11. Oi amada passando pra desejar uma semana iluminada repleta de benção, e de muito amor e luz, adoro passear por aqui beijos doces...

    ResponderExcluir